À descoberta do outro lado da Serra da Estrela

Muito mais que um destino de neve, a Serra da Estrela oferece um sem número de pretextos para ser visitada. Desde logo uma impressionante beleza natural que cativa e encanta quem por ali passeia. 

txt: v.m.

fotografia de capa: larah vidotto

Cachecol, luvas, casacos quentes, mas leves, e calçado confortável é tudo o que precisa para partir à descoberta da magnífica região que é o Parque Natural da Serra da Estrela. Esqueça os skis e as pranchas porque mesmo sem neve vai com certeza apaixonar-se por paisagens grandiosas e avassaladoras.
Centremo-nos no concelho de Manteigas, onde se encontram os dois magníficos hotéis que sugerimos e abaixo descreveremos, a Casa de São Lourenço e a Casa das Penhas Douradas. 
Conhecida como “coração da Serra da Estrela‎”, Manteigas oferece uma paisagem diversificada e com elementos ímpares, atrativa e bem conservada, com locais de grande beleza e tranquilidade, que possibilitam o contacto íntimo com a natureza.
Desde logo o Vale Glaciar do Zêzere que, com os seus 13 quilómetros de extensão, é um dos maiores da Europa. Maravilhosa dádiva da Natureza é, em simultâneo, uma lição a céu aberto sobre os vestígios da última época de glaciação, que ocorreu há vários milhares de anos.  
Na sua forma de “U”, o Vale Glaciar ostenta inigualáveis belezas geológicas, como as austeras rochas graníticas dos Cântaros, Magro, Gordo e Raso (a 1928 metros de altitude) e reservas biogenéticas de elevado valor natural e paisagístico. No sopé do Magro (a 1420 metros de altitude), encontra-se a jóia do Vale, o Covão D’Ametade, uma antiga lagoa glaciar de beleza incomparável.
Sendo um Vale Glaciar, e por isso muito aberto, as encostas são muito íngremes, cobertas de bolas graníticas e um caos de blocos rochosos. No fundo do Vale há pastos verdejantes que rebanhos de ovelhas e cabras que pacificamente repartem a paisagem. É também possível vislumbrar algumas construções típicas da serra – casas de pedra com telhados em colmo de palha de centeio ou giesta chamadas de “cortes” -, assim como as casas da guarda-florestal.

A incrível Rota das Faias

Os adeptos de caminhadas não vão perder um passeio pela Rota das Faias, na encosta de São Lourenço, uma das mais belas de Manteigas, que oferece uma constante e surpreendente descoberta do que é a vivência da serra e das suas gentes. 
Com uma extensão de cerca de cinco quilómetros e com um nível de dificuldade médio, esta rota permite uma autêntica experiência sensitiva entre a vegetação que oferece uma variedade de cores e aromas, mas de onde se destaca, como o nome indica, uma exuberante e impressionante floresta de faias, a maior da Península Ibérica. Junto destas, admire igualmente um número considerável de castanheiros, giestas, o Pinheiro-do-Oregon e os imponentes carvalhos monumentais que rodeiam a Capela de S. Lourenço, no cimo da serra, local de culto de reminiscências pagãs, relacionadas com a adoração das árvores e do sol. 
Na paisagem natural sobressaem o Vale Glaciar do Zêzere, a Torre, o Cântaro Magro, o Cântaro Gordo e as Penhas Douradas.
São Lourenço oferece uma vista panorâmica para o conjunto de serras que se estendem até Espanha. Em primeiro plano surgem a cumeada da Lomba das Cancelas, que limita a Beira Alta da Beira Baixa, e o Cabeço da Azinheira.
O contacto com a vida rural e pastoril está presente ao longo do trilho, uma vez que este é ainda nos dias de hoje utilizado por pastores para se deslocarem com o seu gado até aos locais de pastoreio. Junto dos rebanhos e seus pastores é possível admirar o porte dos meigos cães Serra da Estrela. As muitas linhas de água existentes durante o percurso proporcionam uma rica diversidade da vida animal, destacando-se a presença de mamíferos como a raposa, a fuinha, a doninha ou o javali. 
Este trilho está apto para a pratica de BTT, ainda que não durante todo o percurso.

Beleza em estado puro

A cerca de 1500 metros de altitude, no sopé do Cântaro Magro e no início do Vale Glaciário, onde o Rio Zêzere começa a tomar corpo, o Covão d’Ametade é um dos locais mais belos da Serra da Estrela. Cenário paradisíaco carregado de sentimento bucólico, tem vegetação maioritariamente composta por bétulas, com a particularidade de criar um ecossistema com uma grande biodiversidade. Este local é muito procurado pelos desportistas de inverno e de montanha, que optam por começar nesta zona as suas caminhadas e escaladas ao longo dos covões e formações rochosas. 
Também de grande beleza natural, situado a 960 metros de altitude, o Covão da Ponte é local de eleição para quem procura o sossego e a tranquilidade.
Outros pontos de grande interesse mesmo durante estes meses mais frios do ano, as praias fluviais são sinónimo de uma beleza impar, no seu contraste entre o azul cristalino das águas da montanha, o verde da vegetação circundante e a pedra que salpica a paisagem. Se no verão a qualidade atestada das suas águas convida a mergulhos refrescantes, no inverno é o silêncio entrecortado com o correr da água que nos transporta para momentos de paz e evasão.
Para apreciar a paisagem, o Miradouro do Fragão do Corvo, na zona das Penhas Douradas e a 1450 metros de altitude, oferece vistas belas e raras do casario da vila de Manteigas, do Vale Glaciar do Zêzere e a imponência da Fraga da Cruz. Deste ponto, e com tempo limpo, é também possível avistar a cidade da Guarda e as serras de Peña de Francia, Béjar e Gredos, em Espanha.
Situada entre o planalto da Torre e os Piornos, a Nave de Santo António é uma depressão aplanada de origem glaciária que se apresenta coberta por um extenso prado de montanha. Há cerca de 23 mil anos, no máximo da última glaciação, este local encontrava-se coberto de gelo que escoava para os vales glaciares do Zêzere e da Alforfa, sendo ainda bem visíveis, nos rebordos norte e sul, as moreias do Poio do Judeu e da Alforfa.


CASA DE SÃO LOURENÇO
A antiga Pousada de São Lourenço deu lugar a uma casa, a Casa de São Lourenço, com ambiente acolhedor, onde é recebido como se fosse da família, mas que transpira requinte e extremo bom gosto. Único alojamento cinco estrelas da Serra da Estrela, localizado a 1250 metros de altitude, no concelho de Manteigas, integra o grupo familiar Burel Mountain Originals, dando continuidade a um projecto sustentável da valorização do património da região. Quatro suítes e 17 quartos de tipologias diferentes, prestam homenagem à memória deixada por Maria Keil que em 1948 concebeu conforto dos interiores e da concepção de todo o mobiliário da então Pousada, que se mantém até hoje. A enorme lareira na sala de estar junto do restaurante é uma das estrelas da casa, tal como a piscina exterior aquecida com jacuzzi que comunica com a piscina interior aquecida do Spa onde se encontram cabines de sauna e banho turco com vista sobre a montanha, salas de massagem e relaxamento. Não deixe de experimentar a sensação única de sentir a neve cair sobre o corpo enquanto está na piscina aquecida exterior. No restaurante da Casa de São Lourenço desfrute de uma experiência gastronómica única com sabores da Serra, proporcionada pela ementa do chef Manuel Figueira.


CASA DAS PENHAS DOURADAS
Este é um hotel de charme de quatro estrelas que confere à paisagem da montanha, o romantismo dos chalets da montanha. Localizado a 1500 metros de altitude nas Penhas Douradas, Manteigas, conta com um enquadramento paisagístico único e uma arquitetura alpina singular. Aquela que foi a primeira estância de montanha do país traduz-se assim, desde 2010, num hotel de ambiente familiar com uma arquitetura que é também sustentável, perfeitamente enquadrada na envolvente, e construído com recurso a materiais locais. Oferece a quem o visita18 quartos voltados a nascente, um restaurante com cozinha de autor e um spa onde o tempo se perde no significado, com uma piscina interior aquecida. As lareiras no inverno dão-lhe um acolhimento irresistível contextualizado pelo cenário da montanha que se estende nas grandes janelas e onde pode ainda encontrar um museu de ski e uma biblioteca cheia de histórias para se perder.


Casa de São Lourenço – Burel Mountain Hotel
Morada: 
Estrada Nacional 232, Km 49,3, Manteigas
Tel.: 
275 249 730
Preço: 
Desde 285€/noite

Casa das Penhas Douradas
Morada: 
Penhas Douradas, Manteigas
Tel.: 
275 981 045
Preço: 
Desde 160€/noite

Newsletter

A Hotéis de Campo publica semanalmente uma newsletter com todos os artigos relacionados com sugestões de viagens em Portugal.

Email Marketing by E-goi

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments