Alentejo: o prazer de partir à (re)descoberta de um território encantador

Entre o Tejo e o Algarve, o Alentejo ocupa praticamente um terço do território nacional, oferecendo paisagens distintas e de beleza singular. Essencialmente rural e escassamente povoado guarda um notável património arqueológico, arquitetónico e etnográfico. A gastronomia e os vinhos, são o principal cartão de visita para quem visita a região.

txt: v.m.

fotografia de capa frank nürnberger


Rumar ao Alentejo pode ser sempre uma agradável descoberta. Território de grande beleza e contrastes, tem para oferecer uma variedade de cenários, capazes de preencher os requisitos de cada um. Cada vez mais destino de férias durante o verão, especialmente o litoral com as suas magníficas praias, tem um encanto muito especial nesta época do ano. Sem a azáfama da ida a banhos, o tempo é vocacionado para o descanso e a descoberta de um território de grande riqueza. Escolha um dos alojamentos que propomos para descansar e, com vagar, explore as imediações. Irá ficar agradavelmente surpreendido.
Vila de gente afável e humilde, Redondo, no distrito de Évora, onde encontramos o Convento de São Paulo, é tradição e hospitalidade. Aqui encontra aldeias brancas com casas com uma faixa de cor alegre, como tantas outras da região, “casa” de antas de tempos antigos e campos sem fim cobertos por tapetes de flores, de cores e pelos típicos montados alentejanos. Conhecido pelos seus vinhos de indiscutível qualidade, há lojas com olaria, mobiliário típico e cortiça trabalhada para conhecer. Envolvido pela imensa planície alentejana e pela deslumbrante beleza da Serra D’Ossa, que se ergue altiva e imponente, é destino ideal para os apreciadores de caminhadas e contacto com a natureza.
Em Beja desfrute de atividades náuticas na barragem de Alqueva, percorra e descubra a Rota do Fresco (Vidigueira, Portel, Alvito, Cuba), que propõe a descoberta do tesouro escondido do Alentejo, a pintura mural a fresco, que se guarda, na maior parte das igrejas, capelas e ermidas da região. A Rota do Fresco é assim uma oportunidade única de transpor estas portas, usualmente fechadas, e desvendar pinturas com 500 anos de existência, preservadas, por vezes, sem mácula, em monumentos esquecidos. A iniciativa turístico-cultural do e no Alentejo, oferece também diferentes rotas e ateliers nos quais pode aceder a património arquitetónico, assistir ao vivo às tradições etnológicas, provar a gastronomia regional e perceber a paisagem envolvente. Num cenário de Natureza, deslumbre-se com o Parque Natural do Vale do Guadiana, a sua fascinante fauna e flora. Poderá conhecer toda a área protegida, seguindo os diversos percursos pedestres propostos pelo Parque. Não deixe de visitar Serpa, vila de ruas estreitas e pitorescas, rodeada por uma cintura de muralhas do séc. XIV, onde se produzem uns excelentes queijos, e Mértola, vila-museu, com núcleos das épocas romana, visigótica e islâmica. Foi nestes achados, que se encontrou a inspiração para o símbolo do Parque – uma ave de presa tal como é representada num prato islâmico do século XI.
Se escolher a Herdade do Reguenguinho para ficar hospedado, junto da pitoresca vila do Cercal do Alentejo, no município alentejano do Santiago do Cacém, ligado desde sempre às explorações mineiras, desbrave o percurso Minas do Cercal, que leva por caminhos rurais e trilhos naturais à descoberta das várias explorações que outrora deram vida à localidade. 
Finalmente Portalegre, com boa parte do seu território a fazer fronteira com a vizinha Espanha, oferece um bom número de pretextos para ser visitado. O território é grande, porém, não deixe de subir ao castelo de Marvão, desde esta localidade, percorrer a Rota dos Vinhos até Sousel, descobrir Elvas, cidade Património da Humanidade pela Unesco, e, para caminhadas com paisagens estonteantes, percorrer os trilhos no Parque Natural da Serra de São Mamede.


CONVENTO DE SÃO PAULO
Inserido numa propriedade de cerca de 750 hectares, o Convento de São Paulo guarda uma impressionante e valiosíssima colecção de azulejos. São 50000 peças de raro valor histórico, que enriquecem o espaço de forma única. Parte desta coleção foi encomendada por patronos para espaços específicos do convento, como os da Capela do Bispo onde é possível reconhecer a assinatura de António de Oliveira Bernardes ou os da Capela de Nossa Senhora da Conceição, cuja autoria é atribuída a Gabriel del Barco. No entanto, a maioria dos painéis é de autoria desconhecida, apenas assinado com o monograma de P.M.P e constituem um caso notável de azulejaria. As antigas celas dos monges, os seus corredores e fontanários, conduzem numa viagem até ao século XII, de uma forma perfeita e inesquecível. Se procura uma estada combinada com atividade física, o Convento tem percursos pedestres devidamente sinalizados na Serra d’Ossa. Com diferentes graus de dificuldade, poderá começar por explorar as hortas, os jardins e os pomares que envolvem o casario edificado, deambulando por estes lugares sem obedecer a trilhos ou indicações. Se tem espírito aventureiro, aconselham-se os percursos pedestres mais longos, de seis ou 20 quilómetros, onde pode incluir uma visita à Capela de Nossa Senhora do Monte Virgem, à Aldeia da Serra e à Fonte da Senhora da Saúde. Erguido no ano de 1182 por monges pertencentes à ordem de São Paulo Ermita, é um dos edifícios mais icónicos da sua época que preserva, de forma perfeita, alguns dos seus traços originais. Antigas celas e cavalariças transformaram-se em quartos – ao todo são 42 -, onde impera uma decoração de época, repleta de luxo e conforto.


HERDADE DA DIABRÓRIA
Para uma estada com conforto e sofisticação escolha umas das quatro suítes júnior que têm um luxuoso espaço para dormir e uma pequena e acolhedora sala com sofá cama. Se prefere um ambiente rústico, mas igualmente confortável, então poderá optar por um dos oito quartos standard e standard superior, em cada qual encontrará uma decoração diferente e única. Finalmente, se o que procura é privacidade absoluta, então escolha o apartamento com um quarto com cama de casal. Para além deste, a casa principal pode ser utilizada como um outro apartamento, composto por quatro quartos, uma sala de estar e uma cozinha devidamente equipada. Com 300 hectares, a propriedade conserva o ambiente rural por entre tratores e alfaias, campos de cereais e girassóis. O lago de água da chuva, sobrevoado por aves aquáticas, é um local verdadeiro mágico para quem procura a tranquilidade de um encantador refúgio para fugir à agitação das grandes cidades. Aqui poderá andar de barco, pescar ou simplesmente perder-se em contemplação. A interacção com os animais da quinta, cabras, cavalos, patos, galos e galinhas, é fomentada, bem como os passeios a pé ou em BTT pela propriedade. Além das atividades proporcionadas no recinto da propriedade, há também muitas experiências que pode usufruir no exterior, como paintball, jogos tradicionais, kart cross e canoagem, facilitadas por uma parceria com operadores locais.


HERDADE DO REGUENGUINHO
Várias são as opções de alojamento nesta herdade do concelho de Santiago do Cacém, que tem como imagem de marca cores fortes e vivas. Na casa principal estão centradas as zonas comuns: sala de estar, sala do chá e sala do pequeno-almoço. Esta última, depois da primeira refeição do dia, torna-se numa aprazível biblioteca recheada de livros para livre consulta dos hóspedes. Nesta casa existe também um quarto único, a suíte ‘sexto sentido’. Num outro edifício, a antiga habitação da herdade, encontram-se três quartos e duas suítes, que guardam vestígios de outros tempos, como a fachada do antigo forno a lenha e a chaminé do antigo fumeiro. Entre estes dois edifícios encontram-se os jardins de acesso à piscina que quebra sobre a planície. Numa zona mais reservada surgem as palafitas, que proporcionam momentos inesquecíveis. As caminhadas são um grande atrativo para quem escolhe a Herdade para ficar. Em torno da vila do Cercal, encontra um percurso pedestre da Rota Vicentina que atravessa um mosaico de pequenas quintas, hortas e pomares, onde se vive o dia-a-dia rural das gentes alentejanas. Cruzam-se ao caminho pequenas linhas de água que nascem na Serra do Cercal e correm para Leste em direcção à albufeira de Campilhas e adiante, até ao Rio Sado.

 
MONTE DAS MÓS 
Se procura a genuína experiência de viver num monte alentejano, este é o local perfeito. A casa com 250m2, que tem quatro suítes e sala com lareira, só é alugada na totalidade, o que confere toda a privacidade para apreciar devidamente este monte típico alentejano inserido numa propriedade de três hectares. Com traça também tipicamente alentejana, esta casa oferece todo o conforto para os gostos mais exigentes, com piscina e barbecue. Todos os quartos têm casa de banho privativa e estão equipados com ar condicionado. A sala de estar, de jantar e a cozinha, totalmente equipada, foram planeadas de modo a que haja sempre um contacto direto e próximo entre todos os hóspedes. Perfeita para dias de descanso, longe de tudo e de todos, é um excelente “retiro” para o espírito. Uma vez aqui alojado, conte com o apoio na organização de atividades como passeios em balão de ar quente e passeios a cavalo. O monte disponibiliza bicicletas para passeios dentro da propriedade ou uma ida até à vila.


MONTE DO VALE
Espaço de descanso e divertimento implantado em 106 hectares de terreno. Neste que é um típico monte alentejano onde se evidenciam as azinheiras, a vertente de turismo rural vive paredes meias com a criação de cabeças gado e a agricultura biológica. Reserva associativa, também a vida animal selvagem é abundante, não sendo pois de espantar que, se durante as suas caminhadas, se deparar com coelhos, pequenos roedores e uma grande variedade de aves. A caça é permitida e um sem número de atividades e experiencias são disponibilizadas, como passeios a cavalo, passeios de jipe, passeios de carroça e de bicicleta. Numa vertente mais cultural descubra as exposições temáticas de pintura sempre disponíveis no Espaço Manjedoura. A casa tem sete quartos com casa de banho privativa e ampla sala com lareira. Para aquisição no local há garrafas de azeite virgem, pasta de azeitonas e uma seleção variada de produtos regionais. A pedido e sob reserva, também estão disponíveis piqueniques junto à barragem.


DORMIR
Convento de São Paulo – Hotel Rural
Morada:
 Aldeia da Serra, Redondo, Évora 
Tel: 266 989 160
Preço: Desde 80€/noite

Herdade da Diabrória
Morada:
 EN 121, Herdade Da Diabrória, Beja
Tel: 284 998 177 
Preço: Desde 85€/noite

Herdade Do Reguenguinho
Morada:
 Estrada Nacional 262, Km 69, Espadanal, Cercal do Alentejo, Setúbal
Tel: 967 503 597
Preço
: Desde 120€/noite

Monte das Mós
Morada:
 Rua Fonte da Alameda, Ourique, Beja
Tel: 918 798 590
Preço: Desde 30€ /mínimo 2 noites

Monte do Vale
Morada:
 Herdade do Vale, Vila Boim, Elvas
Tel.: 964 243 749
Preço: Desde 80€/noite

COMER
O Ermita
Morada: 
Convento de São Paulo – Hotel Rural, Aldeia Da Serra d’Ossa, Redondo
Tel.: 
266989160

Adega Típica 25 de Abril
Morada
: Rua da Moeda, 23, Beja
Tel: 284 325 960
Preço médio: 15€

100 Pressas
Morada: 
Largo dos Caeiros, 75, Cercal do Alentejo
Tel: 269 949 035
Preço: 15€

Castro da Cola
Morada:
 Castro da Cola Country Houses, Castro da Cola, Ourique
Tel.: 286 516 400
Preço: 20€

Pompílio
Morada: 
Rua de Elvas, 96, Elvas
Tel: 
268 611 133
Preço médio
: 20€

Newsletter

A Hotéis de Campo publica semanalmente uma newsletter com todos os artigos relacionados com sugestões de viagens em Portugal.

Email Marketing by E-goi

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments